Fale Conosco
:: Domingo, 23 de Julho de 2017
English | Português
A A A



Valid XHTML 1.0 Strict  CSS válido!

Controle

Com o CBERS, o Brasil conquistou a possibilidade de operar satélites de grande porte e de níveis de complexidade bem mais elevados que os Satélites de Coleta de Dados, oriundos da Missão Espacial Completa Brasileira (MECB), dando um grande passo na qualificação de seus técnicos e pesquisadores. O Centro de Rastreio e Controle de Satélites (CRC) é responsável pela operação do CBERS. Sua infraestrutura é composta pelo Centro de Controle de Satélites (CCS) localizado em São José dos Campos, e pelas estações terrenas de Cuiabá (MT) e de Alcântara (MA).

A operação e controle dos satélites do programa CBERS durante a fase de rotina - incluindo as manobras de ajuste de órbita para manter a fase apropriada - são efetuados ora pelo Brasil, ora pela China, em períodos alternados, de acordo com um programa unificado do Centro de Controle de Xian.


Centro de Controle de Satélites de Xian


Centro de Controle de Satélites do INPE, em SJCampos,SP


Lançamento CBERS-1


As imagens do site CBERS podem ser divulgadas, desde que citada a fonte: CBERS/INPE – divulgação.

As funções relativas à programação das operações das câmeras dos satélites em resposta às solicitações dos usuários são efetuadas pelo Centro de Missão em Cachoeira Paulista. Entretanto, o elemento central de todas as operações relativas aos satélites CBERS e de seu controle de missão é o Centro de Controle de Satélite. As estações TT&C proveem o elo de ligação entre o pessoal de controle e o satélite, além de serem as estações usadas para aquisição dos dados brutos do sistema de coleta de dados do CBERS, em banda S.

O Centro de Controle de Satélites recebe uma variedade de informações do satélite que permite aos controladores manterem-se inteiramente informados sobre o status dos equipamentos do satélite, permitindo assim que executem as ações necessárias para assegurar seu correto funcionamento. Programas especiais para os computadores do Centro de Controle de Satélites permitem a troca de informações com o computador do satélite para programar seus instrumentos por meio de comandos armazenados para serem executados ao longo de muitas órbitas do satélite.

O Segmento de Solo do CBERS apoia as atividades necessárias ao controle dos satélites e ao cumprimento dos objetivos de suas missões de sensoriamento remoto. Inclui meios para rastreio, comando e controle dos satélites e para recepção, armazenamento, processamento e distribuição de imagens.


A estação TT&C de Cuiabá.
As imagens do site CBERS podem ser divulgadas, desde que citada a fonte:
CBERS/INPE – divulgação.


As estações de recepção de imagens e os centros de processamento, no Brasil e na China são a cadeia principal de recepção de imagens. Podem ser instaladas estações em outros países para estender a cobertura potencial do CBERS.


Interações entre a infra estrutura de solo.
Realização
Catálogo de Imagens
Galeria de Imagens
Brasília (DF)
Imagens CBERS-2 - Câmera CCD
Eventos Relacionados